quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

DESPEDIDA


           "- Não me deixe! Você sempre foi a minha vida! – supliquei-lhe mais uma vez.

            - Sua vida agora é aquela que nasceu de você.

            - Por que não fica conosco? Havia prometido! O que vou fazer sem você?

            - Não escolhi partir agora. Por você ficaria até nos piores planos do universo se fosse preciso! Mas peço que fique alegre com minha vitória. Consegui ser livre outra vez! Os anjos irão me guiar na minha próxima jornada.

            Suspirei e encontrei fôlego para continuar a falar:

          - Anjos? Eu nunca pude vê-los. Na condição de vampira, muito menos... Eles estão aqui agora?

- Sim. Estão por toda parte. Assim como nós. E nos compreendem mais do que imaginamos.

- Sempre soube que tinha luz dentro de si e não somente era a criatura que acreditava ser! Agora tenho certeza de que estava certa o tempo todo, você era mesmo um anjo!

            - Anjo eu não sou, Aimeé! Porém, ter alguma luz já me foi suficiente para te querer bem e poder estar contigo esse tempo todo. Mas ainda não terminou, agora é sua vez de esperar por mim! Voltarei para te livrar desse castigo, eu prometo. Cuida da nossa filha por nós dois! Vou estar nela e em ti todas as horas! É importante que se sinta forte para enfrentar os perigos que virão pela frente... Lucius será um deles. Espero antes da próxima batalha estar aqui com você.

            - Leva um pouco de mim também! – disse-lhe bastante emocionada. - Vou te esperar, eu prometo!

            - Eu amo você e sempre será assim. Nunca se esqueça. - despediu-se com um olhar saudoso.

            - Eu também te amo! – respondi com um sorriso, mas sem conter as lágrimas."

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

EDMOND E AIMÉE - TRECHO DA SEGUNDA PARTE.

"- O que pensa estar fazendo? Não queria que me beijasse!

            - Não?! – questionou com um ar irônico.

            - Não! Eu... só correspondi porque... – antes que completasse sorriu e me beijou novamente.

            Seus beijos eram deliciosos! Os seus braços pareciam ter a força na medida certa para me prender! Desejei que o mundo parasse de girar tão rápido e pusesse meus pés no chão novamente. Ele segurava meu rosto e me beijava com tanta vontade que era impossível resistir a tudo aquilo! Contudo, afastou-se, mesmo contrariando minha vontade de perpetuar aquele beijo.

            - E agora? Não finja que não sente o que sinto também! Não acreditaria se me dissesse que não sentiu nada! – perguntou-me ofegante."

(Edmond e Aimée, Paris - segunda parte )

sábado, 11 de dezembro de 2010

O amor pode salvar até mesmo os seres condenados eternamente!

Em ETERNO, Edmond ensina que todos os homens possuem a maior arma contra a batalha eterna dos seres ocultos que há entre nós:o livre arbítrio! 
A maldade pode estar adormecida dentro de qualquer humano!
O perdão e o amor também!


"- Posso lhe garantir que não sou um representante do mal entre os homens. Isto já existe, desde a própria criação, dentro de todos nós. Não se personifica o mal em um ser, ou em alguns seres apenas, pois a maldade está infiltrada nos atos de violência que se vivencia todos os dias. A ignorância dos brutos, a tirania dos poderosos, a exploração dos fracos e a crueldade com os doentes, tudo faz parte da natureza de quem realmente torna-se um monstro pouco a pouco. As coisas não são exatamente iguais ao que dizem as lendas. Não temo a Deus! Pelo contrário, gostaria de voltar a ser seu amigo, seu filho, se assim você preferir chamar todos os humanos criados por Ele. As coisas sagradas não me intimidam e nem mesmo intimidam aqueles que são verdadeiramente maus! Senão porque existem tantos pecadores que matam em nome de Deus e nem por isso temem a cruz? O exorcismo é algo que os homens podem fazer por si mesmos. O verdadeiro arrependimento é o mais poderoso dos exorcismos conhecidos na Terra. Só assim se tira um mal de dentro, ou perto de si. Independente do Deus que acreditas!

            Parou de falar por alguns instantes completou:

            - Só quero que entendas que só se afasta um mal, seja ele uma criatura das trevas, ou mesmo o que habita dentro de cada um de nós, com o nosso livre arbítrio! Não precisas de estacas, amuletos, cruzes e água benta... Chega a ser tolice acreditar que as forças do bem estariam em objetos inanimados! E quanto a luz do dia, ela não é tão mortal para mim, apenas me enfraquece. Evito-a, mas não a temo.

            - O que te mataria então?"

Todos têm a chance de redenção!

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

ESTRELA DE DISTINÇÃO - MESA DO EDITOR

Queridos amigos e seguidores,

Incluí o livro ETERNO no site http://www.mesadoeditor.com.br/index.php. Um site destinado a fazer o intercâmbio entre diversas editoras do Brasil, e mais alguns países, com  os autores que, assim como eu, disputam uma oportunidade de mostrar seu trabalho para um público mais amplo.

Bem, venho contar a vocês que consegui adquirir a estrela de distinção pela obra publicada. Esta estrela é dada após uma avaliação por profissonais qualificados para analisar o potencial do autor, qualidade do trabalho, etc. Está distinção deixou-me com mais esperanças desse projeto literário, que lanço aqui no blog, venha a fazer muito sucesso!

Abraços a todos!

Erika Spencer.